sábado, 29 de dezembro de 2012

Gotye FT Kimbra - Somebody That I Used To Know Tradução




“Às vezes penso em quando estávamos juntos

Como quando você disse que se sentia tão feliz que podia morrer…

E eu não quero viver assim

Interpretando cada palavra que você diz

Com alguém que você conhecia...

Mas você não precisava me cortar

Fingir como se nunca tivesse acontecido

E que não éramos nada

Mas você me trata como a um estranho

E isso é tão duro..”

 

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

FELIZ 2013...


 

A vida dá muitas voltas  ,como se de um livro saísse  2012 , foi sem duvida um ano de encontros e desencontros com o outro. Acreditando que todo este trajeto era feito em conjunto , para que de alguma forma tivesses-te encontrado. Pura ilusão, se tivesse sentido que este sentimento  não era partilhado ,não teria preciso deitar tantas lagrimas ,não era preciso tanta discussão, simplesmente não era preciso …, por isso todas as coisas más  e foram muitas ,essas ficam encerradas neste ano.
Ainda bem , que este ano está acabar , venha lá esse 2013…
 
Feliz Ano 2013…e façam favor de serem felizes…

domingo, 23 de dezembro de 2012

O AMOR...





"O amor é uma força mais formidável do que qualquer outra, Ele é invisível -. Ele não pode ser visto ou medido, mas é poderoso o suficiente para transformar um momento para sempre..."

AD

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

NOSSO VIVER...


 


A vida é para ser vivida :

Como uma acrobacia : todas as figuras do passado…

No tempo verbal : sempre no presente.

Como um romance: gestos de entrelaçamento…

Uma paixão :linhas cortadas em todos os sentidos…

Em que o relógio louco não para… tic .-tac….

Neste batimento ,que se intensifica….

Eu sou uma nota e tu és outra..

Anotemos , avancemos…

Escolhidos pelo destino neste nosso viver !..

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

PELE...


 
Abraço-me no meio da solidão…
Entrego-me a ti , nesta noite…
Toca-me…despe a minha pele !...
E suspiros  voam da minha alma…
Fecho os olhos e sinto  os teus beijos …
Que deixas-te suavemente  na minha pele !...

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

PRECIOSO...

Quantas voltas são precisas
Para escolher um só caminho?
E sentir que é meu para Sempre!
Quantas vezes, indeciso
Eu desisto de vencer
E decido ser prudente
Evitando o que é diferente.
É o tempo roubado à razão de existir
Um momento passado e perdido
Quantas feridas são precisas
Para escorrer um sangue novo
E acender a chama ausente
Prometendo que é para Sempre!
Um Destino traçado num mapa a Fingir
Um Futuro Distante, Iludido
é o Amor
Precioso
 
Miguel Angelo
 

sábado, 8 de dezembro de 2012

MÃO...




Aqui no meu sofá …
Escuto o meu silencio…
Neste escuro sinto o teu olhar transparente…
Neste espaço perdido sinto o teu olhar no meu corpo…
Leves, os nossos corpos unem-se…soltam-se…
Ardendo na emoção , amparas-me o corpo, com a tua mão…
E na tua mão… eu descanso !...

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

TU ÉS O MEU RELOGIO DE VENTO...




 Tu já me arrumaste no armário dos restos
eu já te guardei na gaveta dos corpos perdidos
e das nossas memorias começamos a varrer
as pequenas gotas de felicidade
que já fomos
Mas no tempo subjectivo
tu és ainda o meu relogio de vento
a minha máquina aceleradora de sangue
e por quanto tempo ainda
as minhas mãos serão para ti
o nocturno passeio do gato no telhado ?
Isabel Meyrelles



quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

FLUTUAR...





Aqui neste céu imenso …

Vou flutuar levando comigo todos os meus sonhos…

Sentindo o cheiro do vendaval das emoções…

De forma magica sinto o bater do teu coração…

Sinto o teu toque…o teu abraço…

E neste flutuar entrelaçamos os nossos corpos…

Trocamos beijos sedentos …banhados …

Sem a hora marcada da chegada e da partida…

Sem pressa…flutuamos !...

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

LIBERDADE...




 
Sou terra e fogo
Sou ar e água.
Hoje ergo o cálice da liberdade
E saúdo os guardiões da sabedoria
Olho o horizonte e sigo
Levo comigo toda a esperança
E as memórias do passado
Meu grito é livre e ecoa no ar
E de pés descalço
Eu bailo sozinha...
Contemplando a minha
Liberdade...
Adeus solidão
 
Vania Staggemeier 
 
 

sábado, 1 de dezembro de 2012

DESFOLHEI...



 
Muito lentamente desfolhei ...
O livro da minha vida…
Parei, no capitulo que partilhamos…
Sinto as palavras a libertarem-se…
Mergulho nas palavras, que partilhamos…
E liberto todos as emoções, que vestem a minha alma…
Vivo todas as minhas emoções e pinto-as…
Com todas as cores do meu sentir !...

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

DEIXA EU TE DAR UM ABRAÇO?



Deixa eu te dar um abraço?
Não amasso.
Um abraço!
Daqueles que a alma sente
e o coração se aquece
e transborda de amor...
Daquele que ninguém esquece,
esteja onde for.

Valquiria Cordeiro




 

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

RENASÇO...



 
Na corrente do rio entreguei-me…
Deixei-me enrolar na água gelada…
Travei todas as lutas…
Todas as emoções emparelhadas e soltas.
Renasço em todos os momentos que me entrego…
E construo novamente o meu coração…

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

TECLADO...






Aqui neste teclado escrevo o que o meu coração diz baixinho em cada batimento , não importa a cor das palavras ou o seu formato …aqui neste teclado cabe todas as minhas emoções , todos os meus sentidos do meu viver e do meu amor

terça-feira, 27 de novembro de 2012

SAPATOS...

S




Nos saltos dos meus sapatos…
Trago o teu nome ,,,
Os meus sapatos fazem toc -toc…
Palmilhando os meus pensamentos

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

DESPEDIDA...

 





"A razão por que a despedida nos dói tanto é que nossas almas estão ligadas. Talvez sempre tenham sido e sempre serão. Talvez nós tenhamos vivido mil vidas antes desta e em cada uma delas nós nos encontramos. E talvez a cada vez tenhamos sido forçados a nos separar pelos mesmos motivos. Isso significa que este adeus é ao mesmo tempo um adeus pelos últimos dez mil anos e um prelúdio do que virá."

- "O Caderno de Noah"-
Nicholas Sparks

domingo, 25 de novembro de 2012

AMOR DE PAPEL...






“O nosso amor é de papel (...) e no papel há- de ficar, para sempre escrito nas minhas palavras. E se um dia se transformar em qualquer outra coisa, será sempre numa outra forma de amor, porque o papel vem das árvores, mas o amor vem do amor e nunca morre, mesmo depois de cortado, prensado e transformado, porque amor é como plantar uma semente e tu já plantaste a tua no meu coração.”
(Margarida Rebelo Pinto)

terça-feira, 30 de outubro de 2012

ESCADAS...




Desço pelas escadas  devagar...
Nesta  escadaria de sentimentos....
Eles soltam-se  e paro num degrau...
Sem pudores ou fingimentos...
Rasgo a minha alma...
Sinto-me envadida pelo fascinio...
Da luz da lua e pelo manto das estrelas...
Procuro a vontade suprema...
Da voz do meu coração !...

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

SEDUZ MEU CORAÇÃO...



Para um coração amar tem de ser seduzido....no jogo da sedução os corações  aceleram o seu compasso e os corpos despem a pele...

terça-feira, 23 de outubro de 2012

ELA...




Ela acordou com um gosto amargo na boca, pousou as mãos no rosto e sentiu na pele os seus sonhos, que ficaram presos em arame farpado. Seu corpo estava gelado , sua alma despida de todas as ilusões. Fecha os olhos e o seu pensamento voa...voa ...para o momento mágico , em que a sintonia das sensações, emoçoes , prazer e dor se enterlaçam na intensidade louca da paixão...O vento sopra em seu rosto e sussura-lhe a sua propria voz,encontrasse consigo propria. O voo abranda e desce suavemente ....seus olhos recaem no horizonte... e tem a certeza que tem de descobrir outros lugares , outras paixões , outros amores....
            
“Aprendi com a Primavera a deixar-me cortar e
voltar sempre inteira."
Cecília Meireles
 

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

NUDEZ...


‎”…Para fazer amor é preciso mais, muito mais, do que despir o corpo. É preciso despir o ser até à inocência. E entregarmo-nos nus, despidos do mundo e sem medo de perder a alma .… A verdadeira nudez é deixar que alguém nos morda os pensamentos; nos veja além da carne e nos leia como um livro ..."

João Morgado *
In: Diário dos Infiéis

 

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

EMOCIONALMENTE...


 
 

Emocionalmente ninguém cresce ….enquanto não sentir  a dor a rasgar o peito,   a dor da  solidão.

Emocionalmente ninguém é feliz…. se não se perder de corpo e alma num abraço… e olhar o mundo através de outros olhos.

Emocionalmente ninguém renasce…senão aprender a amar-se sem limites e vaguear na sua  própria  alma e coração.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012


Tenho silêncios tão meus
tão profundos...
Nem por isso deixo de amar

O lugar onde guardo o amor
é indestrutível,
inabalável.

(Arnalda Rabelo)


terça-feira, 9 de outubro de 2012

ENCONTRO...


 
Sei que temos um encontro marcado…
Nesse momento ,sei que nos vamos amar sem medida…
Vamos entrelaçar nossos corpos, que irão transpirar de desejo…
Vamos trocar beijos apaixonados…
Sei que temos um encontro marcado….
Para amar toda a vida…

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

NOS MESMOS...

''Há momentos que a solidão aparece para nos ensinar que a alma também sente fome de um sentimento chamado ,nós mesmos.''


Rhenan Carvalho

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

PENSAMENTOS...

 
 


Quando o meu olhar encontra o teu…
Já o meu coração advinha o que sentes…
E deslindo sem a tua permissão…
Num abraço  eterno…
Os teus mais penetrantes pensamentos…
 

 

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

VIDA..





Vida que esmaga a alma,
Vida que não nos dá nada,
Vida que desencadeia paixões,
Vida que nos faz perder a razão.

É preciso aprender da vida,
Conhecer todos os labirintos,
Onde se conhece os amigos,
Vida que nos dá e nos tira.

Não se pode cobrar da vida
Ela é fruto da nossa emoção,
Por ela aprende-se o perdão.

Vida onde o amor é supremo,
Sem ele somos seres pequenos,
Vida onde se aprende sofrendo.

MÁRCIA ROCHA

terça-feira, 18 de setembro de 2012

SENSAÇÔES...


Como definir  as sensações…Será que são indefiníveis ?...Não sei …Apenas sei ,que avassalam o meu espirito preenchem o meu coração de forma irremediavelmente marcante e que me tocam em toda a minha vida…

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

ALMA...





 Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana"
                                    Carl Gustav Jung

sábado, 8 de setembro de 2012

NOITE...


 
Na janela do meu quarto…
Deixo a minha alma flutuar…
Gosto da suavidade da noite ,que me abraça…
Esta escuridão que invade-me de mansinho…
Com o meu olhar percorro cada recanto…
Os meus pensamentos movem-se…
O silencio sente-se mais forte….
E oiço a melodia do meu sentir !...

sábado, 18 de agosto de 2012

CHAMA-ME O QUE QUIZERES...



Vou guardar as tuas mãos...
Na paixão que tenho por ti...
Mas não te posso revelar o meu nome...
Nem precisas de o saber.
Chama-me o que quiseres...
Dá-me um nome para que possamos
Amarmo-nos.
Aquele que tinha perdi-o no caminho até aqui.
Pertencia a outra paixão, e já a esqueci.
Dá-me tu um nome para eu poder...
Ficar contigo.


Alberto




terça-feira, 10 de julho de 2012

FIM..


Mais cedo que o tempo previa... Ou tempo demais para acontecer... Hoje é tempo de   dizer adeus ou fazer uma pausa sem relógio  …quem sabe um dia voltarei  a escrever … por isso   encerrarei o ciclo da Iris com o texto: SOMA






Criamos momentos só nossos…

Aroma esse que trago na minha saudade…

Recordar é sinal que vivemos…

Ouvimos o descompasso do bater do coração…

Tu és e serás sempre o meu doce anjo…

Enfeitiçaste-me com a tua essência…

Na hora da despedida a nossa respiração fundiu-se o momento chegou..

Olhamo-nos e sentimos o grito na alma de quem sentiu e viveu o AMOR
__________________________________________________________________+

viver



segunda-feira, 9 de julho de 2012

HOJE...


Hoje sinto  saudades…
Do teu beijo que traz magia ao meu Ser…
Do toque das tuas mãos , que redescobre todos os meus recantos…
De escolher uma pedaço de ti e fazer com ele um desejo…
De ouvir os batimentos do teu coração na minha alma…

sábado, 7 de julho de 2012

ENTRE NÓS...




" Entre nós, não havia distancia porque éramos atravessados um pelo outro. Faziamos parte de um lugar infinito que era igual em cada um de nós. Não éramos fronteiras dentro desse lugar, porque esse lugar nao tinha fronteiras. Esse lugar era infinito. Esse lugar era o amor nos nossos olhos"


José Luis Peixote in " Uma casa na Escuridão"

quinta-feira, 5 de julho de 2012

EU SOU...




Eu sou…

Todo do meu passado…

Não mudaria nada nem um ponto nem uma virgula…

Porque senão não seria quem sou…

Eu sou…

Todas as linhas que escrevo…

De onde saio por vezes…

Para conquistar o mundo…
  
Eu sou…

Aquela pessoa que sente o amor…

Viaja pelo mundo dos sonhos…

Flutua pelos prazeres da vida…

Eu sou...

terça-feira, 3 de julho de 2012

O TEU NOME...



"Porque todo ele é poesia,
Corre pelo peito como um rio,
Devolve aos meus olhos a alegria,
Deixa no meu corpo um arrepio,
Porque todo ele é melodia,
Porque todo ele é perfeição.
È na luz que vem. "
Miguel Gameiro

domingo, 1 de julho de 2012

ESPAÇO...



Vou fechar a porta entrar muito devagarinho…..
Neste meu espaço onde me liberto…
Onde sinto a doce sensação do amor…
Onde partilho todos os cheiros das emoções…
Aqui neste meu espaço no meu silencio…
Visto-me no  teu corpo  com todos os meus versos…
Tatuei-me com todos os teus versos…
Neste meu espaço que (me) sinto…
Que (me) toco (te)….

sexta-feira, 29 de junho de 2012

È PRECISO...



"É preciso a certeza de que tudo vai mudar;
É necessário abrir os olhos e perceber
Que as coisas boas estão dentro de nós:
Onde os sentimentos não precisam de motivos, nem os desejos de razão.
O importante é aproveitar o momento e aprender sua duração;
Pois a vida está nos olhos de quem sabe ver...
Se não houve frutos, valeu a beleza das flores.
Se não houve flores, valeu a sombra das folhas.
Se não houve folhas, valeu a intenção da semente."


Henfil